Notícias

Em 24 horas choveu 116 milímetros em Sorocaba

Chuva Sorocaba

Em 24 horas choveu em Sorocaba um total de 116 milímetros, segundo levantamento do Institudo Nacional de Meteorologia (Inmet) de São Paulo. Com tanta chuva, a cidade amanheceu com algumas ruas e avenidas interditadas, o que complicou o trânsito durante boa parte da manhã e os motoristas sorocabanos tiveram que ter paciência. Segundo a Urbes, neste momento estão interditadas por alagamento as seguintes vias: avenida 15 de Agosto, avenida Dom Aguirre (Parque das Águas) e rua João Gabriel Mendes (acesso avenida Dom Aguirre). As demais vias interditadas já foram liberadas.
Já de acordo com o índice pluviométrico da Secretaria de Segurança e Defesa Civil de Sorocaba, no período entre 8h de segunda até às 8h desta terça chegou a 97 mm, sendo que o esperado para o mês de junho era de 67 mm.
De acordo com o meteorologista do Inmet-SP, Ernesto Alvim, das 9h de segunda (5) até às 9h desta terça (6) o total de chuva que caiu sobre a cidade chegou a 116 milímetros, o que corresponde a 116 litros por metro quadrado. “Esse total é considerado muita chuva para o período, visto que nesta época do ano não é comum chover esse volume”. Alvim disse ainda que a chuva deverá perder a intensidade até o fim do dia. O Inmet afirma que está fazendo o levantamento das causas do excesso de chuva em Sorocaba e que até o início da tarde irá divulgar um balanço, junto com a previsão do tempo.

O levantamento da Defesa Civil apontou 46 mm de chuva no IP Aterro, 75,8 mm na Eta do Cerrado, 72,5 mm na Eta do Éden e 97 mm no Paço. Ainda de acordo com o órgão, até o momento não foi registrada nenhuma ocorrência com vítimas. E os casos registrados por conta da chuva são de alagamentos, quedas de árvores e deslizamentos. Equipes da Defesa Civil continuam percorrendo os locais apontados.

Estragos provocados pela chuva

Segundo a Prefeitura de Sorocaba, a chuva que atingiu a cidade provocou estragos em vários pontos da cidade. Na rua Victor Gomes Correa, no bairro Brigadeiro Tobias, houve queda de muro e deslizamento, o que obrigou uma família a deixar o imóvel até que seja feita vistoria completa e a garantia de não haver risco aos moradores. Uma equipe da Secretaria de Conservação, Serviços Públicos e Obras estão trabalhando no local e a equipe da Defesa Civil aguarda para fazer a vistoria necessária.

Na estrada no Inhayba ocorreu um desmoronamento e quedas de árvores. As equipes da Prefeitura estão no local, mas a estrada já está liberada. Também ocorreu a queda de um muro na rua Ministro Salgado Filho, mas sem registro de vítimas e sem obstrução da via.

Fonte-Cruzeiro do Sul